Tuesday, March 25, 2008

indagações VII

o que importa saber quem os outros são, se você mesmo não sabe quem é?
c.f.

Saturday, March 22, 2008

além

a morte tem som de rodas sobre paralelepípedos,
gosto salgado de lágrimas,
cheiro forte de flores.

Tuesday, March 18, 2008

folhas secas

meu corpo está seco,
sujo do outono
das árvores que caem
mortas no chão.
minha mão,
como já diria dos Anjos,
ao mesmo tempo que afaga,
apedreja.

ser. humano.
carente de idéias.

Friday, March 07, 2008

Dor

dor

dor de dente

dor de cabeça

dor de cotovelo

dor de ar...dor

dor de corno

dor de estômago

dor de amor

até morrer de

dor
era dona de uma beleza estereotipada nos clichês.
e daquelas com batom e espelho na bolsa.
bem cuidada.
subiu na vida a cargo de muito sacrifício.
vendia o corpo como quem vende água.

Tuesday, March 04, 2008

indagações VI

porque alguns acham que reclamar é melhor que fazer?

esperança

sorriu, como se não precisasse de nada mais que aquilo.
andou por algum tempo se arriscando por entre os carros,
e parou logo na esquina pra comprar um picolé.

o dia estava nublado e ameaçava chover.
mas um risco de raio de sol por ali surgia.
mesmo que o sol não fosse aparecer.

- acorda, menino, são sete da manhã.
está todo mundo na mesma catraia:
se perdermos os remos temos todos que remar com as mãos.
e juntos.
-k.m.

Monday, March 03, 2008

de um vulcão cor de pele,
rio de lava rubro-incandescente,
aquele gosto amargo
de ferro que enche a boca,
os dentes insistem em mais,
buscam algo líquido em que se apoiar
e adormecem ao lado de quem esteve ali

e já não está mais.
sorria ao novo dia que vem,
trazendo mais tempestades em meio aos raios de sol.
- não fala do que eu deveria ser pra ser alguém mais feliz
quem sabe - los hermanos